"Há de chegar talvez o dia em que o Flamengo não precisará de jogadores, nem de técnicos, nem de nada. Bastará a camisa, aberta no arco. E diante do furor impotente do adversário, a camisa RUBRO-NEGRA será uma bastilha INEXPUGNÁVEL "

Nelson Rodrigues

Ao passar por aqui faça seu cadastro!

quarta-feira, 8 de julho de 2020

FLAMENGO TEM QUE SER SOLIDÁRIO?

Painel De Festa Time De Futebol Flamengo Mengão Rj Urubu no Elo7 ...
Painel De Festa Time De Futebol Flamengo Mengão Rj Urubu no Elo7 ...
elo7.com.br
Essa é uma cobrança que vem sendo feita por outros dirigentes e encampada por alguns jornalistas e torcedores (não necessariamente nesta ordem).

Mas esquecem tudo o que achincalhavam o Mengão, na época da "vacas magras". Mesmo com o Bandeira recuperando as finanças, as cobranças eram por títulos, craques e etc.

Esquecem rápido as gozações que faziam. Eliminados da Libertadores. Deboche do titulo do Carioca. Enfim, foram anos e anos de achincalhe.
Agora tem que ser "solidário". Agora é atacado por defender seus interesses. 

Quando caiu a arquibancada, era " a raça fla caiu de lá". Quando do acidente do ninho, é "time de assassino". Somos mulambos. Não ganhamos mundial, é Taça Toyota, e olha que nem isso eles tem.

Agora a inveja é forte. E lembrem, inveja é ser feliz, com a infelicidade do outro. Sempre foi assim com o Mengão.

Jornalista, torcida, Rede Globo, todos a destilar ódio contra o sucesso. 

Somos egoístas. Divisionistas, e outras babaquices mais. Mas, quando éramos ridicularizados, ninguém se oferecia para ajudar. Era cada um cuidando de si.
Portanto, os antis agora tem que chupar o dedo e ver o Mengão na vanguarda.

Pra cima deles Flamengo!

domingo, 5 de julho de 2020

Manifesto dos torcedores contra a cobrança de 10 reais!

 Torcida Jovem Fla on Twitter: "Que São Judas Tadeu nos ilumine. A ...
“38 anos depois, voltamos ao lugar que se tornou nossa obsessão: o topo da América. Além disso, campeões do brasileiro, do carioca, da supercopa, da recopa… Finalmente, passados anos de sofrimento, com times tecnicamente desqualificados e seguidas decepções, voltamos a sorrir e festejar um Flamengo vitorioso. Porém, infelizmente, o que nos traz aqui, neste momento, muito diferente das recentes alegrias, causa grande tristeza aos 40 milhões de rubro-negros espalhados pelo mundo.

Como é de conhecimento geral, a atual diretoria do Clube de Regatas do Flamengo, em uma decisão descabida, informou que o acesso à transmissão com imagens da semifinal da Taça Rio não será gratuito. Os torcedores que não são sócios, caso queiram assistir ao jogo com imagens, terão que pagar 10 reais – valor unitário para uma semifinal de Taça Rio, contra o Volta Redonda. É o que nos traz a público.

Diante deste cenário, por ser tão grave e preocupante o desrespeito da diretoria com o torcedor rubro-negro, tornou-se necessário um posicionamento oficial das torcidas organizadas signatárias. Inicialmente, é importante lembrar que, estejamos ou não em “outro patamar”, nossas raízes são, sim, populares. Aquele que nega ou tenta desconstruir de qualquer maneira os laços do Flamengo com o povo, mostra ser grande desconhecedor da história do clube. Nos parece óbvio, contudo, algumas pessoas insistem em negligenciar a história, e é por isso que estamos aqui. Muito além de festas nas arquibancadas e apoio incondicional, nossa essência nos atribui o papel de guardiões das mais importantes expressões do Flamengo: seu povo, suas raízes e sua história.

Não é nossa intenção redigir uma nota que não corresponda com fatos. Por isso, sabemos, também, que o custo de manutenção de um futebol forte, competitivo e campeão é alto. Apesar disso, somos intransigentes ao dizer, de maneira simples, que não é só a torcida que deve “pagar a conta”. Uma revolução demanda esforços. Nesse momento de ruptura com os antigos costumes, a torcida assumiu um papel de destaque e defendeu os interesses do clube, sendo compreensiva e solidária às decisões tomadas pela diretoria. Em uma verdadeira disputa com os meios de comunicação, por exemplo, o apoio massivo da NAÇÃO RUBRO-NEGRA foi imprescindível para que alcançássemos os objetivos de interesse do clube.

Não obstante, na segunda oportunidade, literalmente, os atuais gestores apunhalam pelas costas seus próprios torcedores. Não discutiremos a necessidade ou não de cobrança, mas o momento em que foi feita. De acordo com nosso entendimento, limitar, restringir e condicionar são atitudes arriscadas quando se fala de Flamengo, afinal, como dito anteriormente, somos o clube de todos. Assim, os que estão no poder têm a obrigação de tornar democrático o acesso às atividades do clube; jamais se posicionar como se nossa torcida se resumisse a sócio-torcedores, número inexpressivo quando comparado aos 40 milhões.

Ante todo o exposto, em defesa do caráter popular do Clube de Regatas do Flamengo e, principalmente, dos torcedores rubro-negros, as torcidas organizadas signatárias repudiam veementemente a atitude tomada pela diretoria. Através desta publicação, exigimos que sejam revistas, essa e quaisquer outras, medidas que coloquem em risco a manutenção dos traços populares e democráticos da maior torcida do mundo, visto que fomos, somos e sempre seremos, o clube de todos. Ademais, continuaremos vigilantes e prontos para defender o clube de qualquer tentativa de negativa a sua própria história.

GRÊMIO RECREATIVO MOVIMENTO CULTURAL RAÇA RUBRO-NEGRA
TORCIDA FLA MANGUAÇA
IMPÉRIO RUBRO-NEGRO
NAÇÃO 12″
.
Retirado de: Lance

Imagem de vencedores!

Imagem de vencedores!
Eu, meu filho Renato e meu neto Cristiano Junior no Maraca!